: 2016
Desengane-se se pensa que os portugueses, por serem um povo muito acolhedor, não passam muito tempo na Internet, mais propriamente nas redes sociais, porque passam.

Hoje em dia, os portugueses gastam muito tempo nas redes sociais e também em sites de encontros, onde procuram conhecer novas pessoas, fazer novas amizades ou procurarem ter uma nova relação amorosa.

Neste artigo, ficará a perceber quais são as tendências dos portugueses nos sites de encontros bem como saber algumas das tarefas mais feitas pelo povo português neste mundo dos encontros online.


Os portugueses tendem a gastar muito tempo em encontros online por várias razões mas, entre elas, o esquecer o stress do trabalho ou conhecerem novas pessoas, terem novas conversas, novas sensações...

O grande segredo das relações online é mesmo o de ter de estar a falar com alguém que não se conhece, por vezes não se vê e que no fundo, apenas se sente quem está do outro lado.

É um um segredo, tal como é uma virtude. Nem todas as pessoas conseguem passar o sentimento para o lado de lá mas, quem passa, consegue fazer com que as coisas funcionem e que por vezes as pessoas se sintam bastante atraídas umas pelas outras, mesmo sem se conhecerem.

Quais as tendências e tarefas mais feitas pelos portugueses nos sites de encontros?

Esta é uma questão muito 50/50 já que as pessoas tendem a interligar os dois assuntos. Contudo, os portugueses têm mais por tendência conhecerem pessoas para relações ocasionais, ou seja, os portugueses gostam de sentir a adrenalina de conhecerem novas pessoas e conhecer as mesmas pessoalmente logo nas primeiras vezes que falam.

Já as tarefas que mais fazem/tentam, é conhecerem pessoas que façam os mesmos sentirem algum interesse por vezes, apenas pelas fotos. O que acontece é que os portugueses são bastante criteriosos e acabam por perderem algum tempo a pesquisarem as melhores pessoas para os seus interesses.

Dica: opte por ter um perfil online completo. Não precisa de colocar os seus dados pessoais, mas dados como músicas preferidas, livros, o que faz nos tempos livres e/ou idade e interesses atraem mais pessoas que aquando se compara os perfis com outros menos preenchidos.



E bom, esperemos que este artigo lhe tenha sido bastante útil e que lhe permita saber um pouco mais sobre os portugueses nos sites de encontros bem como algumas das suas tarefas e interesses comuns.

Tenha sempre cuidado com os sites de encontros online. Saiba que cuidados deve ter bem como algumas das mais variadas dicas para que tenha sucesso nos seus encontros.

Se tem algumas dicas de segurança ou então pormenores sobre como se deve fazer em casos de novos relacionamentos bem como cuidados a ter partilhe connosco e com outros leitores aqui nos comentários. Esperamos pelas vossas respostas.

Até ao próximo artigo!

Hoje em dia conhecer alguém através da Internet é algo que começa a entrar em moda e que pode proporcionar uma amizade ou algo mais de uma forma subtil e sem grandes transtornos.

Na Internet, conhece e "vê" muitas pessoas que lhe agradam mas que, no fundo, podem não ser exactamente aquilo que imagina e tornarem-se numa situação constrangedora.

Neste artigo, iremos dar-lhe algumas dicas e alguns cuidados para que possa conhecer pessoas novas na Internet sendo eficaz mas ao mesmo tempo cuidadoso.


Dicas

Seja precavido: entrar a matar nunca é uma boa estratégia. Irá dar a impressão à outra pessoa que está "necessitado" e então é meio caminho andado para que quem está do outro lado já não queira falar consigo. Seja calmo nas palavras e atitudes.

Seja educado: a educação cabe em todo o lado e quando está a conhecer alguém que não sabe sequer de onde é ainda mais cuidadoso deverá ser. Seja subtil nas palavras, actos e acções para que tenha bons resultados na imagem que está a passar à outra pessoa. Este é um grande truque para manter uma relação saudável.

Seja ousado: esta ideia é muito boa mas tem de ser levada com cuidado. Deve sempre dar aquele elogio mais ousado mas sempre com cuidado para que o mesmo não seja mal interpretado pela outra pessoa caso contrário terá o efeito contrário àquilo que pretende.

Seja cómico: as pessoas adoram humor quando bem usado certo? Pensamos que sim, por isso, recomendamos-lhe que dê um ar da sua graça. Assim, irá certamente criar uma imagem de pessoa descontraída e terá sucesso na relação.

Cuidados

Seja cuidadoso: nunca saberá ao certo até conhecer pessoalmente quem está do outro lado, portanto, deverá ser cuidadoso e nunca enviar dados pessoais (por exemplo) para quem está do outro lado. Se for mal intencionado, poderá ter resultados bastante desagradáveis, algo que, ninguém quer.

Seja criterioso: quando pretender marcar algum encontro presencial, opte por o fazer em locais públicos como centros comerciais ou afins. Assim, terá sempre uma segurança que, em caso de algo pior, tem sempre gente ao seu redor bem como os seguranças dos centros.

Seja paciente: não queira tudo de uma vez nem dar tudo de uma vez. Contactos telefónicos, moradas e afins devem ser dados se apenas surgir confiança de ambas as partes e regularmente, nunca nos primeiros encontros. Lembre-se: a pessoa à sua frente pode parecer ser uma coisa mas ser outra totalmente diferente.

Em resumo...

Deverá ter sempre o maior cuidado possível quando conhece alguém online para que não tenha problemas para a sua vida. Muitos casos se conhecem de pessoas que pareciam ser as melhores do mundo e depois, em encontros pessoais assaltam, violam, batem, etc...

Seja sempre, mas sempre, bastante cuidadoso naquilo que faz e no que pretende da Internet e de como conhecer alguém online.

Conhecer alguém online poderá ser bastante interessante para si, contudo, saiba como o fazer.

Esperemos que seja bastante feliz e que tenha muito sucesso nas suas conquistas online, mas e você? Concorda com estas dicas e cuidados que lhe demos? Têm algumas dicas ou cuidados que ache serem proveitosas?

Partilhe connosco e seja muito feliz!
Certamente você já deve ter perdido a conta as vezes que já discutiu com o seu namorado, são coisas que acontecem por vezes por nossa culpa, porque não medimos a situação e as coisas acabam por se tornarem mais desagradáveis. O que vamos falar hoje é de algumas dicas para que você possa tentar controlar a discussão e nunca elevar muito a gravidade da mesma e saiba que discutir nem sempre é a solução para os seus problemas. Por isso vamos lá passar as dicas.


·         Não guarde coisas por dizer- Quando você não gosta de algo que o seu namorado fez ou vai fazer, simplesmente diga, não guarde para si, porque isso um dia vai ser motivo de uma discussão. Quer dizer diga, ele tem de a compreender, e se assim for iram ambos fazer com que não seja necessário uma discussão para dizer as coisas que queriam dizer há muito tempo.

·         Diga o que não gosta nele- As vezes nas discussões as pessoas acabam por se ferirem dizendo coisas que não gostam nos seus parceiros, será que isso é bom? Claro que não você também não ia gostar que a pessoa que dizia que a amava e que você era perfeita no meio de uma discussão começasse a criticar aquilo que você era. Por isso não tenha medo de dizer aquilo que não gosta, não pudemos gostar de tudo por isso é normal que as pessoas tenham coisas que nós não gostamos mas que pudemos viver com isso normalmente.

·          Perdoar- Saber perdoar é um dom numa relação, porque perdoar não é simplesmente dizer que já passou e que não quer discutir mais por causa de alguma coisa, é sim, tentar se meter no lado da outra pessoa e tentar compreender o que a leva a fazer alguma coisa. Perdoar não é ser burro como algumas pessoas dizem, perdoar é saber compreender a outra pessoa.


·         Saiba ouvir- As vezes é melhor no meio da discussão cada um falar na sua vez, saiba ouvir o que o seu parceiro tem para lhe dizer, simplesmente não vire as costas e vá embora, isso é bastante frustrante para quem esta a falar. Como você se sentiria se você estive a falar com o seu parceiro e ele lhe vira-se as costas? Certamente não iria gostar, por isso não faça aos outros aquilo que não quer que façam consigo.
·         Não vá buscar coisas que aconteceram no passado- Este é certamente um dos maiores problemas de uma relação, quando as discussões começam, as pessoas conseguem ir buscar coisas que já aconteceram há muito tempo para julgar e votar na cara da outra pessoa, não faça isso, é feio, e se você estiver a dizer isso é porque nunca ultrapassou o facto de algo ter acontecido no passado que você não aceitou bem. Tente sempre ultrapassar as coisas menos boas da relação.

·         Não falte ao respeito- As vezes no calor na discussão saem coisas da boca que uma pessoa pensava que nunca iria dizer, tente sempre manter a calma e não faltar com o respeito a ninguém, lembre-se que o respeito é a base de uma relação se isso não existir será muito difícil que a relação resulte a 100%. Por isso mantenha a calma e fala normalmente não se exalte, respire fundo e diga o que tem a dizer.

·         Fale com suavidade- Dizer as coisas com rancor não é muito bom… diga as coisas com calma, com suavidade e com cabeça para tentar resolver as coisas se assim o entender, dizer com agressividade não irá resolver nada, ainda irá piorar as coisas. Lembre-se que a agressividade não resolve nada. As coisas resolvem-se a falar, com calma.

·         Mantenha sempre o seu orgulho- Apesar de você amar muito o seu parceiro, você não é obrigada a fazer tudo o que ele quer, você tem de ter a sua vida normalmente, e o seu parceiro não deve, nem pode impedir isso. Tente manter sempre a sua dignidade porque você não deve nada a ninguém. Seja você mesmo e não aquilo que os outros querem que você seja.





Bem, estas foram algumas de muitas dicas que existem, e para ser sincero a maioria já as sabe mas continua a fazer o mesmo, a discutir cada vez mais, e é por isso que cada vez mais se vê relações a terminarem, casamentos, e porque? Porque a maioria das pessoas não sabem falar, só sabem tentar resolver as coisas nas discussões. O melhor mesmo é falar com calma e tentar resolver as coisas de modo a que a relação fique bem. Por isso ai ficam as dicas e espero que façam bom aproveito delas.


Fonte: DonaGirrafa
Não ser fiel é um grande problema em algumas relações, é também uma das maiores causas pela qual vários relacionamentos são terminados, sejam eles de namoro, ou até mesmo de casamento. A dor é inexplicável, é uma dor que nunca ninguém queria sentir mas por injustiça da vida acaba por sofrer. Essas pessoas perguntam-se até a si mesmas porque algo assim aconteceu na sua vida, e muitas delas ficam com traumas para o resto da vida.



Muitas das vezes isso acontece e a mulher nem sabe porque, mas na maioria das vezes a culpa é da mulher porque pode ou não dar aquilo que o seu parceiro deseja, e então ai ele procura outra mulher. Quando a mulher sabe que foi traída tem duas hipóteses ou larga a pessoa com quem estava e segue a sua vida, ou então tenta perdoar e continuar com a pessoa que a traiu.

Se você optar porque aquela em que decide ficar com o homem que a traiu então vai ter muito que lutar porque escolheu a opção que mais custa. Se realmente você perdoar é bom que existe muito amor nessa relação pois só esse sentimento a pode fazer esquecer a traição. Para que tal aconteça nós vamos dar algumas dicas.


  • ·         Deixe a traição e tudo aquilo de mau que existiu na sua relação de lado, deixe todas as más memórias no passado, é preciso agora falar com o seu parceiro e descobrir o que o levou a trai-la e porque o fez, e conversar sobre isso até arranjarem solução para esse problema. Claro que uma traição não se esquece da noite para o dia, mas o mais importante é tentar deixar isso no passado e começar uma nova vida, uma nova relação.
  • ·         Não fique com uma pessoa para depois se vingar, isso é mania das pessoas quererem-se vingar, isso não é solução, ainda pior, isso ainda vai fazer com que você e o seu parceiro sofram mais. Jamais faça isso, porque não vale a pena, se quiser perdoar tudo bem se não quiser, simplesmente não o faça e tente esquecer isso o mais rápido possível e siga com a sua vida para a frente.
  • ·         Esquecer a traição é o melhor que você tem a fazer, caso isso não aconteça a sua vida vai ser sempre um inferno, porque você irá ter sempre medo que isso volte a acontecer, irá sempre ficar desconfiada caso algum aconteça. Por isso se o seu parceiro prometeu-lhe que não o fazia mais, tente dar um voto de confiança e acreditar que isso não vai voltar a acontecer.

  • ·         Começar uma vida a dois do zero, se você acha melhor, mude de casa, mude de cidade, faça o que você achar melhor para que a sua relação volte a ter uma alegria, aquela alegria que tinha antes, se ambos tiverem vontade e acreditarem que é possível, já é um grande passo para o sucesso da relação. Não tenha medo de alterar um bocadinho que seja da sua vida para fazer com que resulte se é isso que você quer, lute e acredite que é possível e que pode ser possível no futuro.
  • ·         Se ambos aceitarem a traição isso já irá resolver um bocadinho a situação, sim porque não é só você que tem de aceitar que foi traída, imagine que o seu parceiro fez aquilo mas agora esta muito arrependido, é complicado para ambos os lados, por isso o que devem tentar fazer é principalmente se perceberem um ao outro, não julguem ninguém e não votem nada a cara que mais tarde possam se vir a arrepender.





Por isso depois de todas estas dicas de como ultrapassar a traição você deve pensar realmente no que quer, no que acha que pode ter acontecido, se sentir-se mal com isso fale com os seus amigos, familiares, desabafe com alguém. Acima de tudo o melhor a fazer quando isto acontece quer você fique ou não com a pessoa que a traiu é superar, tentar esquecer que tudo isto aconteceu, mesmo que seja muito difícil, e acredite que é muito, mas não é impossível e se você realmente ama e se notar que o seu parceiro esta arrependido perdoe, e de uma oportunidade para ele mostrar que esta arrependido e que quer remediar as coisas.

Fonte: Saluspot
Em qualquer relação existe sempre ciúme, e as pessoas perguntam-se de onde vem o ciúme e porque? Bem essa pergunta é fácil de responder porque o ciúme aparece quando alguém tem medo que o seu parceiro ou parceiro se apaixone por outra pessoa, ou então que outra pessoa se apaixone por ele. Por isso vamos aqui dar umas dicas de como saber lidar como ciúme de uma forma mais simples, já que o ciúme é uma boa dor de cabeça para muitas pessoas.



Além de o ciúme em excesso ser um aspecto negativo na relação, quer dizer, em todas as relações, o ciúme pode fazer com que muitas relações que podiam durar para sempre terminem, é verdade as vezes as pessoas não medem as consequências e acabam por perder a pessoa mais importante da sua vida. Por isso mesmo saber controlar o ciúme é essencial para que discussões não se criei na relação e que ambos possam confiar um no outro.

  • ·         A origem do ciúme depende de pessoa para pessoa, existem aquelas pessoas que simplesmente têm ciúmes por tudo e por nada, e existem outras que têm medo de perder a pessoa que ama e por isso sente-se insegura em relação a isso. O fundamental é tentar perceber de onde vem esse ciúme e tentar controla-lo caso não seja motivo para ciúmes, mas são sim coisas da sua cabeça, a tal insegurança que você sente.

  • ·         Se acha que o ciúme que sente não é normal pergunte-se assim mesma se sempre foi assim, o que poderá estar a criar esses ciúmes em si, e se assim o entender fale com o seu namorado ou namorada e diga-lhe o que se passa, vai ver que se irá sentir muito melhor.



  • ·         Saiba se controlar acima de tudo, o ciúme tanto existe no homem como na mulher, mas esse ciúme não pode destruir a relação, se realmente você gostar do seu parceiro, não irá querer discutir com ele, nem o perder. A confiança é o ponto mais importante na relação de qualquer pessoa, se isso não existe é normal que você se sinta sempre insegura e com medo do que o seu parceiro possa estar a fazer. Para melhor o seu autocontrole tente manter a sua cabeça ocupada e não pense muito no que o seu parceiro/a possa estar a fazer, faça exercícios para aliviar o stress. Vai ver que se irá sentir muito melhor.

  • ·         Como já tinha dito confiar é a base de qualquer relação, nem sempre é fácil é verdade, mas tente sempre pensar que você esta com alguém em quem pode confiar, não deve estar sempre a pensar que o seu parceiro/a esta a trair, de um voto de confiança a pessoa que esta consigo. Se ele/ela a realmente ama a traição nunca irá acontecer. Caso você não consiga apreender a confiar, o melhor mesmo é acabar com a relação, porque essa insegurança só irá criar discussões e mais discussões.

  • ·         Pense mais em si e menos no seu parceiro/a, este é o problema de todas as pessoas, quando começam a namorar ou casam esquecem-se um bocado da sua vida pessoal, e pensam que tudo no futuro terá de ser vivido a dois. Isso não é verdade a partir de momento em que você começa a namorar a sua vida deve continuar como era independentemente se você esta ou não numa relação, e se a pessoa com quem você estiver não perceba isso, então é porque ele realmente não a ama, porque antes de ser uma relação, vocês têm de ser amigos, e saber respeitarem-se um ao outro, caso contrario a relação vai ser um bocado dificultada.

  • ·         Não deixe de fazer o que mais gosto só porque agora esta numa relação, se você deixar de fazer aquilo que gosta, irá chegar o tempo de você se sentir sufocada na relação, porque vai passar de uma relação para uma coisa que acontece diariamente e que já não lhe causa interesse. Por isso já sabe não deixe de manter contacto com os seus amigos ou amigas, e continue a fazer a sua vida normalmente assim como fazia quando estava solteira.



Depois de toda esta conversa, em conclusão o que queremos dizer é que você tentar sempre controlar o seu ciúme, claro que o ciúme é bom numa relação, mas não é bom quando é excessivo. Ninguém gosta de coisas excessivas, apreenda a se auto controlar e se não conseguir fazer isso fale com o seu parceiro/a e diga-lhe que sente ciúmes de alguma coisa, e ele/a lhe dirá se você tem motivos para ter ciúmes ou não. Porque para quem não sabe a maioria dos ciúmes são coisas da nossa cabeça, coisas que as vezes nem fazem sentido, mas na nossa cabeça é tudo verdade e faz tudo sentido. Não deixe que o ciúme acabe com a sua relação.

Fonte: Ciúmes
É certo que quase todas as pessoas um dia acabam por encontrar a pessoa certa, aquela pessoa que acham que é tal e qual ela, aquele amor para a vida inteira. Mas também há aquelas pessoas que já tiveram milhares de namorados e que agora estão solteiras. Porem o dia de conhecer alguém muito especial chega e essa pessoa começa a planear o seu futuro com essa pessoa e um dia pensa: “ será que encontrei mesmo o amor da minha vida?”, E é exactamente isso que vamos fazer aqui hoje. Vamos dar algumas dicas de como você saber se encontrou ou não o amor da sua vida.



  • Numa relação a 100% as pessoas já conseguem perceber o que se passa ou o que a outra pessoa quer dizer com um simples olhar. Quando duas pessoas nasceram para ficar juntos não há nada que as possa separar, e por isso mesmo a telepatia de ambos vai ser enorme. As vezes basta um olhar, um sorriso, uma palavra e você já sabe o que se passa. Essa telepatia não nasce com o casal mas é sim uma coisa que ao logo do tempo você começa a perceber. Mais uma coisa não pense que esta telepatia só acontece com o seu namorado, se você tiver uma amiga com quem já lida há muito tempo, aposto que por vezes a sua amiga não tem de abrir a boca para você perceber que algo se passa.
  • Se o casal partilha os mesmos interesses isso certamente é o casal perfeito, porque um homem para si até pode ter características opostas ao que você gosta, mas certamente irá ter muitas que você adora. Se vocês gostam da mesma música, dos mesmos filmes, das mesmas series, sem dúvida você encontrou uma alma gémea. Claro que essa pessoa não têm exactamente de ter todos os seus gostos, mas se tiver alguns já é bastante bom acredite. Acredite que se assim for os seus melhores momentos só serão perfeitos se tiver com a pessoa que realmente ama.
  • Todas as relações têm os seus altos e baixos, mas o importante é que vocês sejam maduros o suficiente para resolverem as coisas de um modo pacífico. Tem de haver compreensão e respeito um pelo outro acima de tudo. Se você tiver numa relação madura ambos iram se por no lugar um do outro e ambos iram abdicar de coisas um pelo outro, e isso é que é ter uma relação verdadeira, não é só dizer que se ama, é preciso mostra-lo. Por isso tente sempre resolver as coisas, os problemas da melhor maneira.


  • Não controle muito o seu namorado ele não vai gostar disso, tente sempre manter uma relação aberta, no aspecto em que não tem de se meter na sua vida privada se ele assim o entender. Não tenha medo de nada, cada um deve ter a sua vida e ambos devem confiar mutuamente um no outro, para que tenham uma relação saudável. Claro que você deve-se estar a perguntar, “ e o ciúme?” claro o ciúme é essencial na medida certa numa relação, nem muito nem pouco.
  • Quando você encontrar o homem certo todas as vossas discussões iram acabar em beijos, e não em separações. Um homem a sério sabe ver o que é importante para ele, e se ele sentir isso em relação assim, vocês nunca iram acabar uma discussão aos palavrões. Porque ele nem você iram deixar que isso aconteça.
  • Se realmente você estiver com o homem da sua vida, todos os seus planos e os dele serão em conjunto. Ter uma casa, ter filhos, essas coisas que todos os casais querem ter não é. O importante é que nunca deixem de parte a ideia de quanto é importante a vossa relação.
  • O seu namorado não lhe saiu da cabeça, isso é perfeitamente natural, ainda mais quando se amam mesmo de verdade. Pensar no seu namorado até mesmo no trabalho é muito bom, é sinal que ele lhe faz falta e de quando você anseia estar com ele, chegar a casa, puder beija-lo.



Depois de tudo o que acabou de ler o que você acha em relação ao seu namorado? Acha que ele é mesmo o homem da sua vida, ou nada disto que dissemos acontece na sua relação. Bem temos duas dicas para você se nada disto acontece é mau sinal, é sinal que nenhum dos dois esta a fazer um esforço para que a relação resulte, e se assim não o é, nunca irá resultar. Caso contrario se a sua relação tem tudo isto que aqui foi discutido então aproveite a vida com que você mais ama, e nunca deixe fugir a pessoa mais importante da sua vida. Saiba amar e respeitar acima de tudo, é fundamental para uma relação saudável. 

Fonte: DonaGiraffa
Se você foi foi é daquelas pessoas que viveram momentos maravilhosos enquanto estavam numa relação, achando que achou a pessoa certa, e pensou uma vida futura a dois, sempre a pensar na pessoa que você amava, até ao momento em que o comportamento de um dos dois começa a mudar. Começam as discussões, a insegurança ate que um dos dois pede um tempo, e você fica ali a pensar se ele volta ou não.



Estas e muitas outras situações fazem com que as pessoas fiquem com medo, ou decepcionadas, ou até mesmo com esperança, e é normal que depois de estes sentimentos todos misturados a pessoa fique confusa. Na altura a pessoa até fica com raiva e acha que não vai sentir falta de nada, mas passando algum tempo sentimos falta daquela pessoa que estava sempre ali connosco.

Se você é daquelas pessoas a quem lhe pediram um tempo, então esta no sítio certo, porque vamos dar algumas dicas de como atrair o seu namorado de novo. Fique atenta.

·         Mantenha a distancia- Quando uma relação acaba sem o consenso dos dois, existe sempre um dos dois que não se irá conformar e irá fazer de tudo para que a outra pessoa volta para ele, mas isso não é correto porque só ira fazer com que a outra pessoa se afaste cada vez mais e mais. Se ambos ainda sentirem amor um pelo outro não se preocupe que ele volta, não faça muito “peso” nisso, porque as coisas voltam naturalmente se o amor for verdadeiro. Mas por outro lado também não se mostre desinteressada, isso irá fazer com que ele pense que você já não quer nada com ele. Tire algum tempo para si mas não o deixe de procurar.

·         Siga a sua vida- Não fique sempre em casa a chorar, ou triste, esta é a hora certa de lhe mostrar que você é mais forte que o que ele pensa, não lhe faça pensar que você esta bastante abatida com o que aconteceu. Ponha-se bonita vá sair, faça-o perceber que perdeu uma grande mulher, se ele perceber que você não precisa mais dele ele irá pensar duas vezes, e irá a procurar de novo. Se for sair e o encontrar por acaso, faça de conta que ele é apenas um amigo, tal como os outros. Ele irá sentir se renegado.



·         Evite pressionar muito- Não seja daquelas pessoas que não descola, deixe o sozinho, deixe-o pensar, não esteja sempre a mandar mensagens ou a ligar. Ir atrás da pessoa e implorar para que ele não a deixe não é solução, aliás só a irá magoar ainda mais, por isso não o faça. Se o vir tente fazer com que ele olhe para si, e que sinta ciúmes de alguma coisa. O principal objetivo é ele não saber nada de si, isso irá criar uma grande confusão na cabeça dele.

·         Não deixe os seus amigos- O acabar de uma relação não é motivo para você deixar de conviver com as suas amigas ou amigos, eles não têm culpa e além do mais eles a podem a ajudar, a fazer com que você desabafe e que se sinta melhor, além disso você pode usar os seus amigos a seu favor, diga lhes o quanto esta bem sem o seu namorado, e que já não precisa dele para nada, assim se ele perguntar de si aos seus amigos eles já sabem o que dizer.

·         Continue com a sua vida- A verdade é uma, claro que acabar uma relação custa sempre, por pior que tenha sido a relação. Siga com a sua vida, faça tudo aquilo que queria, tudo o que quer, sinta-se livre para fazer o que bem entender. Arranje um hobby para manter a sua cabeça ocupada com coisas diferentes, assim não estará sempre a pensar no seu Ex.


·         Avance quando achar certo- Se ao fim de algum tempo você e a outra pessoa se tiverem a entender melhor e acharem que devem avançar novamente não tenha medo de o fazer, porque se realmente tiver de resultar, isso irá acontecer e ponto final. Nada nem ninguém vai puder mudar isso.





Depois de todas estas dicas se você acha que deve tentar outra vez com o seu Ex, faça-o, quando duas pessoas realmente se amam por mais que discutam, por mais que digam não, elas ficam juntas. Se não resulta agora, irá resultar mais tarde e você vai ver que mesmo que acabe uma relação quando passar pela pessoa que estava consigo o seu coração irá bater mais rápido como se o Mundo fosse acabar, mesmo depois de muitos anos. Na minha opinião o amor verdadeiro nunca morre por mais que se tente dizer que não e que já não sente nada por a outra pessoa, isso não é verdade. Por isso fica a dica, lute por quem você ama, e por quem você acha que merece.

Fonte: Mulher
Se você é daquelas pessoas que no passado se apaixonou e viveu um amor intenso, mas de repente tudo isso foi por água abaixo, e você perdeu a pessoa que mais amava. Com o passar dos anos não conseguiu esquecer esse seu namorado que deixou marcas no seu coração, e você pensa se vale a pena lutar por ele ou não.



Antes de voltar a lutar por alguém você deve ter a certeza se isso vale ou não a pena, e isso vai depender de pessoa para pessoa. Existem pessoas que erram mas depois mudam e há outras que não fazem por isso e continuam sempre iguais, por isso na minha opinião essas pessoas não valem a pena.

  • ·         Um amor impossível só é impossível quando duas pessoas são separadas pela morte, sim porque se você já foi apaixonada por uma rapaz e deixou de gostar dele isso não quer dizer que no futuro você não volte a se apaixonar novamente por ele. Voltar a se apaixonar é a coisa mais normal do Mundo e acontece vezes sem conta. Ter coragem para volta a encontrar essa pessoa é o factor mais importante, porque saber lutar e não desistir é uma virtude numa relação, porque o que se vê mais vezes hoje em dia é as pessoas nem se darem ao trabalho de falarem e simplesmente acabam com a relação ou com o casamento.

  • ·         Nem sempre é o mais correto ir atrás de alguém, e você deve-se estar a perguntar: “então porque se o amor é mais forte”, sim isso é verdade, mas imagine que a pessoa que você andava atrás já esta noutro relacionamento, já constituiu uma família, e esta feliz agora. Nem sempre as pessoas têm o direito de acabar com isso, por isso você deve fazer uma avaliação para saber se ele esta ou não contente com a relação que tem agora, e com a vida que tem agora, e em função disso avançar se assim o achar correto. Pense bem antes de tomar uma decisão.


  • ·         Quando é melhor você simplesmente desistir, existe factores aos quais a pessoa já não deve tentar reaproximar-se, como por exemplo: Já existe ou relacionamento e uma família criada. Você não têm o direito de os separar. Ficar com essa pessoa significa desistir dos seus sonhos. Quem ama de verdade percebe e realiza os sonhos da pessoa que ama, fazer com que ela desista dos seus sonhos não é solução e muito menos sinal de amor.
Mesmo que ache que ainda pode resultar alguns casos são proibidos por assim dizer pelo futuro, porque existe depois a possibilidade de a pessoa que você queria já ter uma família, já não querer estragar o que tem por sua causa, mesmo que ainda sinta alguma coisa por si. Depois também existe aqueles casos em que ainda há possibilidade de um dia esses de reaproximarem, e se isso acontecer o melhor a fazer é aproveitar e fazer com que nada os volte a separar.
  • ·         Se esta disposta a lutar por essa pessoa crie planos para fazer com que essas pessoa se reaproxime de si, pense como o pode encontrar, criar encontros com ele, sair para jantar como um jantar de amigos, essas coisas que iram fazer com que vocês fiquem mais juntos, no inicio se calhar só como bons amigo mas depois o amor irá falar mais cedo.


  • ·         Não pense que tudo vai dar certo, não crie muitas expectativas na sua cabeça, porque a reaproximação pode ser algo muito bom se resultar, mas também pode ser algo muito mau se for para magoar mais ainda. Por isto mesmo é que são poucas as pessoas que lutam por um amor impossível porque o mais provável é que essas pessoas se voltem a magoar por pessoas que as vezes não valem a pena. Mas lá esta esta deve ser uma decisão sua, deve pensar bem se quer mesmo avançar e tentar conquistar de novo esse amor. Se achar que deve então tem todo o nosso apoio para o fazer. Mas tenha sempre cuidado para não se magoar mais ainda.



Por isso depois de tudo o que falamos aqui se você decidir lutar e avançar, meta na cabeça que irá lutar até ao fim, até não ter mais forças, a partir de o momento em que você acha que ainda tem hipóteses não deixe de lutar. Se realmente essa pessoa merece que você lute por ela faça-o, se não merecer não se de ao trabalho porque só se irá magoar mais ainda, fica a dica.

Fonte: Stum
A maioria das mulheres não tem a noção se é ou não boa na cama. Além de alguns sinais que nós hoje vos vamos mostrar você também poderá tirar partido dessas dicas para melhor o seu comportamento na cama. Então vamos lá passar aos sinais.




Medo- Um dos problemas mais normais de se ver é sem dúvida alguma o medo, e vocês já se estão a perguntar: “então porque”, porque uma mulher com medo, com receio, tem preconceitos em mostrar o seu corpo, tirar a roupa em frente a alguém, não gosta de fazer sexo com alguém com as luzes acesas para que este não veja o seu corpo. Por isso se você é destas mulheres na altura de fazer sexo, tente se relaxar, não faça tanta pressão, deixe as coisas fluírem e vai ver que tudo vai acontecer de uma forma mais natural.

Diga o que quer- Na hora de fazer amor, todas as mulheres se queixam que os homens nunca fazem aquilo que mais lhe dão prazer, bem uma coisa é obvia, nós homens não advínhamos logo se a mulher não disser o que quer vai ser muito difícil para o homem fazer com que ela se sinta relaxada e bem com o que esta a fazer. Por isso já sabe na hora de fazer sexo, não tenho vergonha nem receio de dizer ao seu namorado/marido o que quer.

Não sabe o que fazer- Se você começou agora ou há pouco tempo a sua vida sexual, é normal que não saiba bem o que fazer na hora. Mas você pode pensar naquilo que gostava de fazer, ou de experimentar. Pense no que mais lhe daria prazer, no que gostava de fazer ao seu namorado, e faça não tenha medo. Se tiver medo isso irá fazer com que seja um sexo mau tanto para si como para o seu parceiro.




Assuma o controlo de vez em quando- Nem sempre deve ser o homem a dominar o sexo por assim dizer, se ele perceber que você esta muito calma, isso também não lhe irá dar muito prazer, de vez em quando tente ser você a comandar e mostrar quem manda, vai ver que irá ter muito mais prazer.

Não faça do sexo uma piada- Se você é daquelas mulheres que na hora do sexo esta sempre a se rir, porque estar envergonhada, isso irá criar um pequeno desconforto, rir é bom de vez em quando mas sempre não, porque irá parecer que o sexo é uma coisa de crianças que ficam ali a rir todo o tempo.

Não fique parada- Imagine que você esta a fazer sexo e o seu parceiro e que esta a fazer tudo e você esta simplesmente ali parada, como se nada tivesse a acontecer, isso é no mínimo desconfortante para o seu parceiro. Tente sempre fazer com que esta a gostar do que esta a fazer, se você estiver lá quieta é como se não estivesse sequer interessada no que esta a fazer.

Não pense no que vai fazer- Na hora de fazer sexo nenhum dos dois gosta de ficar ali parado a pensar que vou fazer agora, ou então será que ele/ela vai gostar, não pense nisso simplesmente faça, não pense se será bom ou não, nem se o seu parceiro vai adorar, faça e vai ver que tudo saiu com naturalidade, não pressione simplesmente, as coisas acabam por acontecer.

Tem medo de experimentar coisas novas- Muitas das mulheres não gostam de inovar na hora do sexo, ou porque sempre fizeram daquela maneira, ou porque é só assim que sabem fazer, o interessante na altura de experimentar novas coisas, é a adrenalina que isso nós dá, se você fizer sempre da mesma maneira, vai passar a ser uma rotina até chegar ao ponto em que já não mete piada, já não faz grande sentido. Por isso não tenha medo de inovar, inovar as vezes faz-nos perceber como há coisas tão boas e nós nem sequer sabíamos.







Estas são algumas de muitas maneira de perceber se uma mulher é boa ou não na cama, mas estas são as mais importantes, e não queremos só mostra-las como também dar dicas daquilo que podem fazer para não tornar o sexo ou o amor como quiserem chamar, uma coisa banal, acho que tem sempre de ser especial, todos os dias, por isso fica a dica.





Este é o problema de todas as pessoas que se encontram numa relação saudável pensam elas e de repente o que eles achavam ser perfeito acaba. Bem, quando isto acontece os amigos e a família devem tentar sempre apoiar, porque eles vão ser a chave fundamental para ultrapassar este trauma, porque sim acaba por ser um trauma perder alguém que nos é muito importante. Por isso mesmo vamos-vos dar algumas dicas para que o fim de uma relação não seja algum que nunca será ultrapassado.




Mantenha a sua cabeça ocupada- Esta sem dúvida é das mais importantes, porque se você conseguir ocupar a sua cabeça com outras coisas, isso irá fazer com que não pense na pessoa que perdeu, parece difícil mas tente, tente sair, estar com os seus amigos, fazer coisas novas, e vai ver que irá começar a esquecer a outra pessoa, ou pelo menos não pensar tanto nela.

Fale com os seus amigos e familiares- Se não se sente bem, desabafe com alguém, de preferência alguém que você confie, tente falar com os seus amigos ou amigas ou até mesmo com os familiares se assim se sentirem bem. Pense sempre que eles apenas o querem ajudar e que são fundamentais para o/a manter ocupada.

Simplesmente aceite- É fundamental aceitar que chegou o fim, que já não mais volta a dar, se você não aceitar isso, vai-se magoar ainda mais, porque irá criar expectativas na sua cabeça que não são verdadeiras. A verdade é dura e custa mas por vezes é melhor assim, pense que por alguma coisa não resultou e talvez seja melhor assim, não insista em algo que não tem futuro. Pense que o fim a pode tornar mais forte, e que você consegue ultrapassar isso.



Saiba o que vai fazer do seu futuro- Não fique no presente a pensar no que aconteceu, é tempo de seguir em frente, você ainda tem um futuro a sua frente, nada nem ninguém pode mudar isso. Já que agora esta sozinha tente realizar aquilo que não realizou enquanto estava com outra pessoa. Não se agarre ao presente e segui para o grande futuro.

Mantenha-se distraída/o- Tente desviar a sua cabeça para algo que você goste muito, se você gosta de ir a praia, sai mais vezes com os seus amigos ou amigas e vá a praia, arranje um hobby para se manter ocupada e para se manter distraída, mais uma vez você tem que mostrar que é forte e que consegue fazer o que você quer sozinha. Tente arranjar algo que a faça relaxar.

Chore- As pessoas têm muito medo de chorar porque parece mal, ou porque dizem que são fortes e não querem, mas na verdade essas pessoas estão totalmente destruídos por dentro. Se lhe apetece chorar, chore, deite cá para fora tudo aquilo que lhe esta a fazer sofrer, tudo aquilo que a magoe, deixe as pessoas a ajudarem. Aquelas pessoas que tentam segurar o choro só iram piorar as coisas, porque iram ficar sensíveis e quando alguém tocar no ponto mais fraco elas iram se desvanecer.

Fale com um profissional- Se já passou bastante tempo e simplesmente você não conseguiu ultrapassar a perda de alguém importante, consulte um profissional, não tem mal nenhum em que o faça, por outro lado, talvez essa pessoa consiga fazer com que você se sinta muito melhor, e que finalmente consiga ultrapassar algo que é passado, mas que ainda esta muito presente na sua vida. É normal, e muitas pessoas não o conseguem ultrapassar sozinhas e precisam de uma ajuda profissional e só assim conseguem ter uma vida normal, a vida que já deveriam ter há muito tempo, mas que não conseguiram porque perderam a pessoa que amavam.

Não tenha medo de amar outra pessoa- Muitos ou muitas pessoas depois de passarem por uma má experiência, têm tendência a dizer que não querem mais ninguém, e que já chegou terem sofrido uma vez. Isso é de todo errado, por não ter resultado com uma pessoa, não quer dizer que não resulte com mais ninguém, se você se apaixonar novamente não tenha medo de seguir em frente, de pensar outra vez num futuro com essa pessoa. O que aconteceu no passado não tem obrigatoriamente de acontecer no presente e no futuro.





Por isso aqui ficam algumas dicas de como ultrapassar uma experiência menos boa na sua vida, eu sei que falar é fácil, mas temos de acreditar que o Mundo não acabou, e que simplesmente tinha de acontecer, chegou a hora de dizer adeus e seguir em frente. Não deixe que ninguém acaba com a sua vida, principalmente se for alguém que não valha isso. Já sabe lute sempre por aquilo que acha que vale a pena e que a faz ou o faz feliz.


Ninguém tem uma relação a 100%, todas as relações têm os seus problemas, e a maioria dos casais não sabe bem como lidar com isso, e por vezes elas pedem um tempo. O que é um tempo? Um tempo consiste em que as pessoas tenham liberdade, que tenham espaço para fazer as suas coisas sem compromissos.



Todos nós sabemos que estar e manter uma relação saudável não é fácil, é preciso se ser muito maduro para o conseguir. As pessoas raramente mudam e os problemas cada vez existem mais nas relações, até que chega ao ponto de um dos dois dizer que é melhor dar um tempo, e bem quando isto acontece quer dizer que ou esta prestes a desistir da relação ou então já desistiu. Esse tempo, é o tempo necessário para que as pessoas caem em si, e na maioria das vezes as pessoas não têm coragem para admitir que a relação já acabou há bastante tempo.

Normalmente quando as mulheres pedem esse tempo, os homens aproveitam para fazer aquilo que faziam em solteiros, namoriscar aqui e ali, e assim não têm de dar satisfações a ninguém, já a mulher só quer por as suas ideias no sítio, relaxar um bocadinho, e meter todos os problemas de lado.
Os problemas devem ser resolvidos com boas conversas, conversas produtivas que façam ver o casal que estão errados um com o outro e que dar um tempo ou acabar não é solução. O problema de certas conversas é que as verdades vêm ao tema e por vezes algum dos dois fica incomodado com isso, mas ambos têm de perceber e se meterem no lugar um do outro.

As pessoas têm de meter na cabeça que dar um tempo não resolve problemas que no passado ficaram por resolver, dar um tempo só irá fazer com que durante algum tempo esses problemas não sejam lembrados, mas depois lá vêm eles outra vez. As pessoas que acreditam que esse tempo irá resolver os seus problemas estão muito enganadas. Não há milagres. Se quiseres mesmo resolver as coisas, você tem que as encarar de frente e resolve-las.



Ao pedir um tempo duas coisas distintas podem acontecer, a primeira depois do tempo que foi dado você percebe que realmente não gosta da pessoa e acaba com a relação, e por outro lado depois deste tempo, você sente que não vive sem a outra pessoa, e faz de tudo para que a relação fique bem. Mas atenção neste tempo que é pedido por um dos dois, podem acontecer algumas coisas menos boas, como o facto de o seu parceiro ou parceira se apaixonar por outra pessoa. Por isso pense bem antes de tomar a decisão de dar um tempo, a decisão é sua.

Deram um tempo e as coisas parecem que estarem a se encaminhar, tudo é muito lindo no inicio, mas logo depois os problemas começam a surgir novamente, e as discussões voltam. Por isso logo após a voltarem desse tempo o melhor mesmo é terem uma conversa muito a sério, e resolverem todos os problemas que ficaram por resolver no passado. Falem tudo aquilo que vos incomoda, o que não gostam um no outro, só assim a relação poderá seguir em frente.

Existem várias historias em que este “tempo” fez com que uma relação acabasse em casamento, este tempo leva a que as pessoas fortaleçam a sua relação, e também é bom não estar sempre na companhia um do outro, sentir um bocadinho de saudades as vezes é muito mais interessante, e passado algum tempo o casal vai perceber que as saudades um do outro são maiores do que a emoção do momento, e isso irá fortalecer ainda mais a relação.




Alguma vez já deu algum tempo ou pediu algum tempo na sua relação? Acha que melhorou alguma coisa, ou realmente tinha que ser o fim? Mais uma vez pedir um tempo pode ou não ser o melhor para a relação, isso cada um terá de entender o que devem fazer e só depois então avançar, se tiver a certeza que a relação não iria durar e não, pedir um tempo não vai ser solução, vai acabar pode ser uma desculpa para acabar. Tente fazer as coisas da maneira mais correta para a sua relação, e não se preocupe porque amor verdadeiro nunca desiste, e se você ou o seu parceiro não der o braço a torcer é porque essa relação não tinha nada para dar certo.


Fonte: DonaGiraffa
 Esta é das perguntas que mais pessoas se fazem a si mesmas, para esta pergunta existem duas respostas como é óbvio, algumas pessoas dizem que sim, e outras dizem que não. Então vamos lá tentar perceber qual é a resposta mais acertada a esta pergunta.



Como os meios de telecomunicação que existem hoje seria muito fácil fazer com o seu namorado ou marido onde quer que ele esteja, uma mensagem, um email, uma chamada, todas essas coisas que nos dias de hoje são muito fáceis de fazer. Mas é o seguinte, será a mesma coisa, falar pelo telemóvel em vez de se estar com a pessoa pessoalmente? Claro que não, não existe ainda nada neste Mundo que o permita fazer, quem sabe no futuro isso não aconteça. Ver a pessoa que se ama só por a webcam ouvi-la pelo telemóvel é muito complicada, porque não há contacto físico, não há aquele beijo de bom dia, não há aquela abraço que nós tantos gostamos quando mais precisamos e isso é complicado. Mas mesmo assim há relações que beneficiaram dessa distância, porque tinham uma relação com alguns altos e baixo e o tempo fez-lhes ver o quanto são importantes um para o outro.

Manter a relação há distancia não é fácil principalmente se você for daquelas pessoas bastante ciumentas, ou bastante inseguras com o seu parceiro. Ter uma despedida de quem se ama e de quem esteve sempre connosco é mesmo muito mau, sobretudo se for uma despedida longa, mas se realmente duas pessoas se amarem e se quiserem mesmo viver juntos para sempre, elas devem entender as razões que levam a sua “separação” e fazer de tudo para que a relação esteja sempre na melhor forma.

O mal da distancia é que tudo pode mudar de um momento para o outro, pois é, hoje você até esta muito bem com o seu parceiro, mas amanha sente-se mais sensível e aparece alguém novo na sua vida. Estes acontecimentos são inevitáveis, são coisas que acontecem por acaso, coisas que ninguém planeou. Por isso se a distancia a que estão sujeitos foi uma coisa que realmente teve de acontecer tente sempre manter contacto com o seu parceiro.

As relações mais frágeis são as que mais sofrem com a distancia, por isso se você tem uma destas relações tente sempre manter uma conversa interessante quando estiver a falar com o seu parceiro/a, e já agora não tenha medo de contar tudo aquilo que fez durante o seu dia, pois isso fará com que a confiança seja mantida por ambos. Mas lembre que você também precisa de atenção e sempre que precisar faça com que ele veja isso. Acima de tudo não minta, quando existem mentiras numa relação há distancia isso certamente irá ditar o fim da mesma. Seja sempre o mais verdadeira e honesta possível, mentir nunca foi solução para nada.
Sempre que possam tentem se encontrar nem que sejam por algumas horas, só para se verem, para se poderem tocar novamente, pois algumas horas já dão para matar algumas saudades, e também para despertar o sentimento do amor.

O ciúme chegará quando você realmente tiver desesperada, mas quando isso acontecer não tenha medo de falar com o seu parceiro, fale com quem você se sentir melhor, mas não guarde isso para si, porque o acumular de todos esses sentimentos só iram fazer com que um dia mais cedo ou mais tarde você rebente.
Quando você sentir saudade não tenha medo de mandar mensagem, mandar um email, ou até mesmo telefonar, mande todos os seus sentimentos para ele, ele ficará surpreso com tudo, só porque tem saudades dele não tem de ficar a guardar as saudades em vez de falar com ele, não tenha medo de o acordar ao meio da noite se assim for, ele irá compreender e perceber.



Em conclusão não tenha medo, viva a sua vida normalmente, com a adrenalina que sempre viveu, faça com que a sua relação ainda seja uma aventura, onde duas pessoas loucas se amam, e se querem de verdade. Se realmente se amam essa relação vai durar para sempre, e nem o tempo, nem a distância, nem ninguém irá fazer com que esse amor essa relação termine.
Quando realmente existe amor, tudo é suportável por ambas as partes, se um aguenta o outro também tem de aguentar, acima de tudo confie sempre no seu parceiro, não seja insegura em relação a ele. A relação pode durar uma vida, se ambos quiserem que assim seja, ambos lutaram pelo mesmo. Pela felicidade.

Fonte: Terra
Com tecnologia do Blogger.